No meu interior tem Deus

Sexta-feira, 4 de Junho de 2010

Perseverantes

Era uma vez um narrador de histórias que vivia pobremente, mas muito sonhador e alegre. Impressionava-o ver o mundo tão cinzento, árido, sem coração.

Por isso, decidiu ir para a praça contar histórias que mostrassem a beleza da bondade, da amizade, da alegria. Certamente que ajudaria as pessoas a serem mais felizes. E assim fez.

Subiu a um banco e começou a contar histórias lindas. Homens e mulheres, crianças, jovens e adultos, todos paravam a escutá-lo. Depois, seguiam o seu caminho.

No dia seguinte, lá estava ele de novo. Mas as pessoas que o escutavam eram menos e alguns até se riam dele, julgando que era um louco.

Regressou no dia seguinte, e depois no outro dia. As pessoas foram desaparecendo, mas ele continuava a narrar as suas histórias cheias de cor e beleza. À sua volta era agora um deserto: ninguém o escutava.

Um dia, uma criança parou e perguntou-lhe:

- Não vê que já ninguém o escuta? Não acha que está a perder o seu tempo?

O narrador respondeu:

- Não, meu menino. Continuarei a falar de coisas belas, de amor, de felicidade, de paz, de alegria. Antes, eu pensava que iria mudar esta cidade cinzenta e triste. Agora não me calarei, pois não quero que me mudem a mim.

 (Autor desconhecido)

publicado por Padre João Pires, Pároco dos Altares e Raminho às 11:20
| comentar

Tradutor

posts recentes

Um Presépio em 1926

Deus existe? O Mal existe...

Façam o favor de ser feli...

O valor das pequenas cois...

O CORAÇÃO DE JESUS

Vai de férias com Deus!

Um alpinista sem fé

Partilhando

TEMPO DE ESPÍRITO SANTO

Santíssima Trindade - Tri...

Juventude e religião

CONTADOR


Contador Grátis

Oração do amigo- Gabriel Chalita

Banda Dominus Padre Fábio Ivete Sangalo Não estou sozinho

links

A autoridade é para servir - Pe. Fábio de Melo

A Paz Pe Fabio de Mello e Roupa Nova 30 anos Oficial

Viver Pra Mim É Cristo - Padre Fábio de Melo

SÓ DEUS BASTA